Início Artigos Um breve comentário sobre a música ‘Até Quando?’ de Gabriel, o pensador

Um breve comentário sobre a música ‘Até Quando?’ de Gabriel, o pensador

A música “Até Quando?” de Gabriel, o pensador, composta em 2001, no auge da fome, do desemprego, da degradação da “era FHC” foi uma “convocação” ao povo brasileiro. Nela, o cantor pede que as pessoas saiam da inércia, que não sofram mais caladas, para mudarem o país.




A mudança veio em 2003, mas, infelizmente, a inércia não cessou. Talvez o período de esperança tenha ajudado nisso.

Agora, vivemos um nome período de degradação, a fome está de volta, o desemprego nos assola, a polícia nos mantém cada vez mais na lei do silêncio, na lei do mais fraco; a justiça continua prendendo pé-rapados, soltando deputados e absolvendo PMs – como os envolvidos no massacre de Carandiru.

Os tempos de angústia estão de volta e um novo chamado, também. A música ‘Até Quando?’, nesse momento, é tão atual quanto na época em que foi composta.

Até quando você vai levando porrada? Até quando vai ficar sem fazer nada? Até quando?

Lucas Ponez é idealizador do Debate Progressista.


Leia também

O foro privilegiado e as autoridades privilegiadas, por Miriam Galvani

Muito se fala acerca do foro privilegiado. Por primeiro, foro privilegiado, ou mais corret…