Temer-PSDB: Contas do governo têm maior rombo para março e 1º trimestre desde a ‘Era FHC’

As contas do governo federal registraram um rombo recorde para o mês de março e para o primeiro trimestre deste ano, segundo números divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional nesta quinta-feira (27).

Somente no mês passado, as despesas foram maiores do que as receitas, sem contar os juros da dívida pública, em R$ 11,06 bilhões – o pior resultado para março desde o início da série histórica, em 1997.




Já nos três primeiros meses deste ano, o chamado déficit primário (que exclui o pagamento dos juros da dívida pública) totalizou R$ 18,29 bilhões, também maior para este período em 21 anos.

O fraco resultado das contas públicas acontece em um ambiente ainda de baixo nível de atividade, que tem resultado em queda da arrecadação.

Embora apareçam alguns sinais de melhora do ritmo da economia, como alta da confiança e da produção industrial, o desemprego ainda segue alto, o que impõe uma velocidade menor ao ritmo de recuperação.

Leia mais no G1.