Rindo da sua cara, Senado vai gastar R$ 450 mil com serviços de UTI aérea

O Senado vai abrir no próximo dia 1º de junho um pregão eletrônico para contratar, pelo período de um ano, uma empresa de serviços de UTI aérea.




A empresa contratada deverá transportar, em casos de necessidade, senadores e seus dependentes, ex-senadores e até os cônjuges de ex-senadores. O serviço só será prestado dentro do território nacional.

O valor global do edital é de R$ 450 mil, a serem pagos por quilômetro voado. O documento prevê que a empresa disponibilize dois aviões, um modelo Jato, ao custo de R$ 24 por quilômetro voado e outro Turbo Hélice, cujo quilômetro voado custará R$ 21.




O edital prevê a contratação de 10 mil quilômetros de cada aeronave.

Além disso, a empresa também deverá disponibilizar transporte terrestre, em ambulância de suporte avançado, no trajeto hospital de origem-aeroporto-hospital de destino.

Leia mais no G1.