Presidenta eleita Dilma Rousseff irritou os poderosos

Dilma vetou reajuste de 70% no salário do poder judiciário (irritou os Membros da Justiça);

Dilma vetou a reforma trabalhista e a aprovação da lei da terceirização (irritou os Empresários e a Fiesp);

Dilma vetou o financiamento privado de campanha eleitoral (irritou os propineiros);




Dilma deu liberdade à Policia Federal e não interferiu nas investigações (irritou os corruptos deputados e senadores);

Dilma recusou negociar com Cunha (irritou os 300 deputados que ele sustenta);

Dilma não aceitou entregar o petróleo brasileiro para os estrangeiros (irritou os EUA);

Dilma não aceitou privatizar o pouco que ainda resta do patrimônio público brasileiro (irritou os donos do poder econômico que têm apoio da direita neoliberal);

Dilma não aceitou perdoar a dívida de 2 bilhões dos planos de saúde com o governo (irritou os poderosos do setor de seguro de saúde privada);

Dilma não aceitou perdoar a dívida que os clubes de futebol têm com o governo (irritou a CBF);

Dilma não aceitou perdoar a dívida milionária que os canais de TV, em especial a Globo, têm com o governo (irritou os barões da mídia, em especial a família Marinho).

Entendeu onde nasceu e onde mora o ódio?

Sérgio Maia Dias


Leia mais