O bom humor da presidenta eleita Dilma Rousseff

Com aprovação menor que sensação térmica em madrugada de inverno em São Joaquim, Temer obteve do seu grupo na Câmara uma licença para continuar extinguindo direitos.

Por enquanto.




O presidente ilegítimo ainda tem, no Congresso, o apoio que jamais teria nas ruas e nas urnas para prosseguir com a pauta mais regressiva da história do Brasil.

Apoio que o povo negou aos destruidores de direitos por quatro eleições presidenciais seguidas, razão pela qual optaram por derrubar o governo por meio de um golpe.

O descompasso entre o que a Nação pensa e o grupo de Temer faz no Congresso é flagrante.

Mas vamos resistir e vamos lutar até devolver os direitos roubados do povo brasileiro pelo governo golpista.

Dilma Rousseff, presidenta eleita do Brasil.