Ministério Público pede a cassação da chapa de João Doria (PSDB) por abuso de poder político





O Ministério Público pediu à Justiça Eleitoral nesta segunda (26) a cassação do registro da candidatura de João Doria (PSDB), um dos líderes na corrida pela Prefeitura de São Paulo, por abuso de poder político. A ação também acusa Geraldo Alckmin de ter usado a máquina estadual a favor do afilhado. O promotor José Carlos Bonilha, responsável pelas eleições na capital, sustenta que o governador nomeou um secretário em troca de apoio a Doria. Não há prazo para o julgamento da ação.

(Natuza Nery – Painel)


Leia mais