Metrô de BH está 100% parado devido à greve dos metroviários contra a reforma da Previdência

O Sindicato dos Metroviários de Minas Gerais (Sindimetro-MG) vai manter a paralisação do metrô de Belo Horizonte nesta quarta-feira – descumprindo decisão judicial do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) que ordenou que os trens funcionassem em uma escala mínima de 80%.

De acordo com o vice-presidente da entidade, Romeu José Machado Neto, a notificação chegou à sede do sindicato após o horário de expediente, o que inviabilizou a comunicação aos funcionários e a formulação de uma escala. Em Bh há atualmente cerca de 1,2 mil metroviários.





“A gente até tentou cumprir a decisão, mas não houve logística. Não tínhamos como rever o movimento poucas horas antes da paralisação”, afirmou Romeu.

O sindicato estará sujeito a uma multa de R$ 250 mil pelo descumprimento da decisão. O vice-presidente afirmou que a entidade vai recorrer.

Via Estado de Minas