Início Destaques Maratona vira palco de protestos e invasões contra o interino Temer

Maratona vira palco de protestos e invasões contra o interino Temer

A maratona olímpica feminina, realizada neste domingo (14), virou palco de protestos contra o presidente interino Michel Temer. Foi a primeira vez durante os Jogos que aconteceu um ato organizado contra o mandatário – anteriormente, as manifestações haviam sido individuais. 

Cartazes contra o presidente foram vistos espalhados durante o percurso de pouco mais de 40 km. Alguns apresentavam a frase em inglês “no coup in Brazil” (“não ao golpe no Brasil”, na tradução para o português). Também ocorreram duas invasões de manifestantes na entrada da Avenida Marquês de Sapucaí – reta de chegada da prova. Um deles cruzou rapidamente a pista e não apresentou maiores dificuldades para a segurança, o outro foi retirado pela Força Nacional, que informou não ter havido detenção.

Procurados pela reportagem, os organizadores do ato afirmaram que a ideia não era a de entrar na pista e sim marcar posição contra o governo atual. “Mas tem gente que se empolga”, explicaram. 

 

Leia mais no UOL.


Leia também

Alckmin se comporta como santo ao falar de Aécio

He he he… Quem não riu ao ler a declaração de Geraldo Alckmin sobre Aécio Neves se tornar …