Início Destaques Jornal mineiro se engana sobre a desistência de Aécio Neves em disputar o Senado

Jornal mineiro se engana sobre a desistência de Aécio Neves em disputar o Senado

O conteúdo abaixo é meramente humorístico:

Uma matéria do jornal mineiro O Tempo* informa que, segundo parlamentares tucanos, Aécio Neves (PSDB-MG) não disputará a reeleição ao Senado, a publicação ainda afirma que as bancadas estadual e federal tucanas estavam receosas sobre como a participação de Aécio na campanha poderia influenciar negativamente no resultado eleitoral.




“Aécio Neves entendeu que sua presença pode complicar a formação da chapa, tanto majoritária quanto para as eleições no Legislativo”, afirmou um deputado aliado.

O jornal ainda questionou outro parlamentar sobre o fim do foro privilegiado do Senador como consequência da desistência.

“Ele já está prejulgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Ele pode muito bem responder ao processo (em outras instâncias), assim como está fazendo o ex-governador Eduardo Azeredo (PSDB)”, disse o deputado.

Mas o jornal se enganou.

Segundo uma fonte fidedigna**, Aécio jamais cogitou a concorrer à reeleição ao Senado. Questionada sobre o porquê do Senador não cogitar participar da disputa, a fonte – que é tucana – confessou, pesarosamente, que o Senador não teria condições emocionais de concorrer com a presidente eleita do Brasil, Dilma Rousseff.

Dissemos à fonte que a possibilidade de Dilma disputar qualquer cargo eletivo é remota, e ela nos respondeu que só de pensar na possibilidade, por menor que seja, Aécio Neves tem sérias recaídas da depressão que o acomete desde outubro de 2014.

Enquanto Dilma Rousseff não se posicionar oficialmente, Aécio permanecerá em repouso, tratando de sua saúde e se defendendo dos processos de que é alvo.

*Não há nada de errado com a matéria do importante jornal mineiro O Tempo.

**Fonte permanecerá no anonimato – mesmo não existindo.


Leia também

MP-SP abre inquérito contra Alckmin por improbidade administrativa

Ministério Público de São Paulo abriu nesta sexta-feira (20) um inquérito civil para inves…