Início Notícias Jogadora Superliga Feminina de vôlei se filia ao partido de Temer

Jogadora Superliga Feminina de vôlei se filia ao partido de Temer

Primeira jogadora transexual da história na Superliga, a jogadora de vôlei Tifanny Abreu, 33, assinou ficha de filiação ao MDB em São Paulo na sexta-feira (6). O pedido foi protocolado na Justiça Eleitoral no mesmo dia pelo diretório estadual do partido. Como a filiação foi realizada dentro do prazo de seis meses antes das eleições, a atleta está apta para disputar o pleito.




Na sexta, durante evento de apresentação do projeto do novo ginásio do Vôlei Bauru, que será construído pelo Sesi (patrocinador da equipe), Tifanny comentou informalmente com algumas pessoas que estava refletindo sobre sua filiação ao MDB. Mesmo assim, ela não confirmou se iria efetivamente se filiar ou mesmo concorrer a algum cargo nas próximas eleições.

Após acertar a renovação de seu contrato até o final da Superliga Feminina de vôlei 2018/19, Tifanny saiu de férias com a família e não foi localizada para comentar sua filiação.

Géssica Brandino e Marcelo Laguna – Folha de S. Paulo.


Leia também

MP-SP abre inquérito contra Alckmin por improbidade administrativa

Ministério Público de São Paulo abriu nesta sexta-feira (20) um inquérito civil para inves…