Jaques, Lindbergh e Lula são os favoritos para presidirem o PT a partir de 2017

O PT estuda antecipar a escolha de seu novo comando, prevista anteriormente para 2017. Mas nem o sucessor do atual presidente, Rui Falcão, nem a forma de escolha da nova direção estão definidos. Eles terão a missão de conduzir a legenda em sua maior crise, agora também eleitoral.




Os nomes que circulam para ocupar o lugar de Falcão são três: o do senador Lindbergh Farias, do Rio, o do ex-governador Jaques Wagner, da Bahia, e o do próprio Lula.

Os dois primeiros não conseguem consenso na legenda. Lula, sim. Mas há o temor de que colocá-lo na vitrine não seja a melhor saída no momento em que o ex-presidente trava uma disputa contra o juiz Sérgio Moro e os procuradores da Operação Lava Jato.

(Mônica Bergamo – Folha)