Governo Temer-PSDB nos últimos dias: Assessor especial da Presidência da República pede demissão

O assessor especial da Presidência da República e amigo pessoal de Temer, advogado José Yunes, pede demissão depois da delação da Odebrechet. Yunes foi quem recebeu parte do dinheiro exigido por Temer para a Odebrechet.




O governo Temer está se desmanchando. O último que sair que feche a porta. A próxima baixa deve ser Moreira Franco. Todos as pessoas próximas de Temer estão saindo, falta apenas o chefe.

Adaptado, Rodrigo Cardoso