Início Destaques Governo Temer-PSDB é ignorado pelo mundo

Governo Temer-PSDB é ignorado pelo mundo

Primeiro, foram os quatro meses e meio de interinidade. Depois, a ofensiva política para negociar grandes reformas no Congresso. Por fim, quando o governo parecia engatar quinta marcha, vieram as delações da JBS e a necessidade de articulação contra a denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República.




Auxiliares diretos do presidente Michel Temer recorrem à tumultuada agenda doméstica para justificar a baixa visibilidade da política externa brasileira nos 15 meses em que ele está no cargo. Temer viajou relativamente pouco e tem recebido bem menos líderes estrangeiros no Brasil do que seus dois antecessores em igual período, segundo registros do Itamaraty.

Chefes de Estado ou de governo, como o americano Barack Obama, a alemã Angela Merkel, o francês François Hollande e o canadense Justin Trudeau fizeram giros pela América Latina ignorando o Brasil. Foi o que aconteceu também com o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, que passou por quatro países da vizinhança. Benjamin Netanyahu escolheu apenas Argentina e México para a visita inédita de um primeiro-ministro de Israel à região, embora a comunidade judaica no Brasil seja mais numerosa do que a mexicana.

Leia mais no Valor Econômico.


Leia também

Sobre facas e facadas

A agressão sofrida pelo candidato Jair Bolsonaro é inadmissível. Parece ter sido cometida …