Francisco Costa: Preparem-se, Moro está nos Estados Unidos

Como sempre, recebido com pomba e circunstância, pelas Vejas e Globos dos States, a título de participar de mais um congresso, patrocinado pelo Ministério Público norte americano, junto com FBI e Cia, Moro foi receber as orientações de praxe.

Sempre que ele vai lá, alguma coisa acontece em Curitiba (agora foi a espalhafatosa pirotecnia do não temos provas, só convicções), preparando o seu retorno, quando ele executa a ordem (ou orientação, vá lá) recebida em Washington.

Já se comenta nos bastidores que Lula será preso no dia 30, às vésperas das eleições municipais, mais um golpe, para indução do eleitorado a votar nos golpistas, com providencial Habeas Corpus, tão logo termine as eleições, deixando o dito pelo não dito na casa do Benedito.

A farsa curitibana, que causou orgasmos nos coxinhas, em esforço concentrado para afirmar que o adolescente procurador com espinhas na cara não afirmou o que afirmou: “não temos provas, só evidências”, tantas vezes gravado e disseminado nas redes sociais que até a Veja e Reinaldo Azevedo já assumiram como infeliz verdade, com a PGR sem saber como contornar a gafe do menino de Moro, foi a preparação do que vem por aí, tudo em criminoso conluio de Moro, Cia e os golpistas do Planalto.

Estamos às vésperas de mais um escândalo, sem nada a ver com 10 milhões para Temer, 23 milhões para Serra, relaxamento da prisão do Cunha, 150 milhões para FHC, porque esses são fatos menores, pecadinhos cometidos pelos ídolos dos coxas, a prisão de Lula, possivelmente feita pelo Japonês Bonzinho, ordenança de Moro, reconduzido a Curitiba’s Republic, para continuar colaborando com a operação Mãos Limpas tupiniquim.

Se a notícia chegou até mim, e de fonte segura, é claro que já é de domínio nas direções dos partidos e centrais sindicais.

Mais uma vez vamos esperar o cão cagar para expulsá-lo da sala ou vamos expulsá-lo antes?

Como na deposição da Dilma, nos limitaremos a assistir pela televisão ou vamos enfrentar a situação?

A Odebrecht e a OAS já anunciaram que, por questão de sobrevivência, estão preparando a mudança para outro país (só aqui serão milhões de empregos perdidos, que eles dirão ser culpa do PT). Temer já se reuniu com empreiteiros chineses, os americanos já se mostraram interessados, a começar pela empreiteira da família Bush, que “reconstrói o Iraque”, em troca de petróleo.

O desmonte do Estado brasileiro já começou e plagiando Lênin, pergunto: o que fazer?

Francisco Costa
Rio, 16/09/2016


Leia mais