Ex-governador preso por ter recebido propina é o novo presidente do PMDB-MS

Preso pela Polícia Federal em 14 de novembro – e solto menos de 24 horas depois – o ex-governador do Mato Grosso do Sul André Puccinelli foi aclamado presidente regional do PMDB em seu estado nesse sábado (2).




Puccinelli concorreu em chapa única em convenção que deveria ter sido realizada em 18 de novembro, porém adiada por conta de sua prisão.

O ex-governador, que esteve no comando do Executivo do Mato Grosso do Sul por dois mandatos, entre 2007 e 2014, foi detido sob acusação de ter recebido propina a partir de obras custeadas pela União. Ele foi solto graças a habeas corpus concedido pelo desembargador federal Paulo Fontes, do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), em São Paulo.

Via Notícias ao Minuto