Efeito Temer-PSDB: Ford demite 364 funcionários por telegrama

A Ford demitiu ontem, por telegrama, 364 trabalhadores da fábrica de São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo. Todos já estavam afastados por meio de layoff (suspensão do contrato de trabalho). Restam 3,6 mil funcionários na unidade.




Em assembleia realizada na manhã desta sexta-feira, o sindicato dos Metalúrgicos do ABC decidiu iniciar um processo de mobilização contra as demissões e interrompeu a produção no setor de estamparia.

O diretor-executivo da entidade e funcionário da Ford desde 1981, Alexandre Colombo, disse que o acordo coletivo assinado em 2015 garantia estabilidade no emprego até janeiro de 2018.

“Sempre negociamos com a empresa, que agora tomou uma decisão unilateral. Ninguém foi ouvido antes”, afirmou o sindicalista.

Leia mais no O Globo.