Início Destaques Dia 28/04, BH vai parar

Dia 28/04, BH vai parar

O Sindicato dos Rodoviários de BH e região decidiu em assembleia realizada, na tarde desta segunda-feira (24), adesão à greve geral. A promessa é que nenhum ônibus sairá das garagens nesta sexta-feira (28).

A Central Única dos Trabalhadores de Minas Gerais (CUT-MG) afirma que o protesto deve atingir diversos setores. As principais pautas são contra a Reforma da Previdência e a Lei da Terceirização. O ato quer parar todo o Brasil durante a sexta-feira.




A adesão dos rodoviários deve ser de 100%. “Vamos parar pelos nossos direitos, é um absurdo o que o governo Temer está propondo em relação à aposentadoria”, comenta o diretor do STTRBH, o sindicato dos trabalhadores de ônibus, Carlos Henrique Marques.

Nesta paralisação, nem a frota mínima de 30% dos ônibus circulando, exigida pela Justiça, será cumprida. “Nenhum ônibus irá circular na capital e região metropolitana. Não importa se estaremos descumprindo a lei, a greve é geral”, completa Carlos Henrique.

Uma cartilha que pede ajuda dos cidadãos para a greve geral também foi lançada. Nela, as orientações para quem quiser aderir ao movimento. São elas:

– Não vá a nenhum mercado;
– Não vá a farmácias;
– Não marque consultas para essa data;
– Não vá a padarias;
– Não vá a restaurantes de qualquer espécie;
– Não compre nenhum móvel, eletrodomésticos, eletrônicos;
– Não vá a nenhum shopping mesmo que  seja só para a praça de alimentação;
– Não vá a lotéricas;
– Não vá a bancos;
– Não pague nenhuma conta;
– Não abasteça seu carro justo nesse dia;
– Não vá a academias;
– Não vá a escola/faculdade ou cursos de qualquer espécie;
– Não vá a açougues.

Segundo a CUT, a não ser em casos de urgência, tudo isso deve ser evitado mesmo que você não vá trabalhar.

Via BHAZ


Leia também

Alckmin se comporta como santo ao falar de Aécio

He he he… Quem não riu ao ler a declaração de Geraldo Alckmin sobre Aécio Neves se tornar …