Deputados favoráveis à PEC 241 levantam cartaz com o termo “quebrou” empregado de forma equivocada

A imagem acima demonstra o que a política tem de pior. Um grupo composto por deputados golpistas e desumanos segurando uma faixa com um conceito econômico erroneamente empregado.

O termo “quebrar”, que é usado para caracterizar um país ou uma empresa que foi à falência e precisa recorrer à empréstimos para se recuperar, algo que não acontece no Brasil desde 2003. O Brasil vive uma recessão acentuada pela crise mundial.




O país não está quebrado – por enquanto.

Se os “figurões” da imagem não têm o menor comprometimento com a democracia, com os valores humanos e com os setores mais pobres da população, eles vão ter alguma consideração com um conceito básico de economia? É claro que não!

Para políticos dessa natureza, a falta de conhecimento em economia está longe de ser uma preocupação. Há ainda muito o que destruir.


Leia mais