Início Destaques Com Temer e PSDB, preço dos combustíveis batem novo recorde

Com Temer e PSDB, preço dos combustíveis batem novo recorde

Os preços médios de gasolina, etanol e diesel voltaram a subir na segunda semana do ano nos postos do Brasil, para novas máximas nominais, segundo pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).




O movimento ocorreu apesar de reduções de preços praticadas pela Petrobras neste ano na venda dos combustíveis em refinarias às distribuidoras.

O preço da gasolina atingiu média de 4,183 reais por litro nos postos do Brasil, entre os dias 7 e 13 de janeiro, alta de 0,8 por cento ante os 4,151 reais por litro na semana anterior.

O valor foi uma nova máxima nominal (sem considerar a inflação), de acordo com uma série história da ANP iniciada em 2013. O diesel e o etanol também registraram os maiores níveis desde o início da série histórica.

O diesel, combustível mais consumido do Brasil, registrou média de 3,368 reais por litro na semana passada, alta de 0,35 por cento ante a semana anterior, quando a média foi de 3,356 reais por litro.

Já o etanol hidratado, concorrente da gasolina nas bombas, teve média de 2,963 reais por litro na semana passada, alta de 0,6 por cento em relação à semana anterior, quando o preço médio foi de 2,946 reais por litro, segundos os dados da ANP, publicados na noite de sexta-feira.

Marta Nogueira – Reuters


Leia também

Sobre facas e facadas

A agressão sofrida pelo candidato Jair Bolsonaro é inadmissível. Parece ter sido cometida …